30 dezembro 2013

Pixelstick - a evolução do light painting



Essa coisa incrível que você acabou de assistir e deve estar se perguntando o que exatamente foi, é o Pixelstick em ação. Pixelstick é uma tecnologia que leva o light painting a outro nível, criada pelos nova-iorquinos Duncan Frazier e Stephen McGuigan, que compõem o Bitbanger Labs.


O light painting é uma técnica de fotografia simples e divertida que consiste em capturar a luz em movimento, usando o modo de alta esposição da câmera [exemplos]. Pode-se dizer que o Pixelstick é um produtor de light paintings mais elaborados. Ele lê imagens comuns de bitmap e as emite conforme se movimenta. Fazer um timelapse dos movimentos do Pixelstick permite a possibilidade inédita de light paintings animados, que é onde está a grande novidade trazida pelo Pixelstick.


Veja abaixo como funciona:


O Pixlestick consiste em 198 leds enfileirados, cada um correspondente a um pixel. Seu "cérebro" lê as imagens inseridas num cartão de memória, interpreta-as para que possam passar pela parte do equipamento que controla os leds (que é como um controle mesmo) e a seguir, emite as imagens, a cada 198 pixels de altura, conforme se movimenta. As imagens devem ter no máximo 198 pixels de altura e não há limites para sua largura... Desde que haja tempo de exposição bastante na câmera e disposição bastante do cara que segura o Pixelstick. hehe.


Com o Pixlestick, tudo só depende da criatividade; vocês viram como o resultado pode ser incrível. E em teoria, ele pode ser utilizado em grandes proporções, isso é, além dos 198 leds de altura (imaginem só!). Como o projeto ainda é uma novidade, essa possibilidade pode demorar um pouco para ser verdadeira, mas o Pixelstick á já é bem real e já é possível encomendar o seu no site novinho. O mais legal é que toda a produção foi financiada pelo público, um crowdfunding.

Incrível, hein.

[BÔNUS] Adorei a música do vídeo e consegui encontrá-la! Ultra underground: Promisses - Stormburner :)

Sem comentários ainda

Postar um comentário

Critique, elogie, pergunte, recite um poema... enfim! O espaço abaixo é todo seu!

Seja coerente com o assunto global da postagem ou do blog. Não faça comentários de má fé ou propaganda de algo que não tem relação alguma com a postagem. Para assuntos outros, entre em contato com o autor através dos links disponíveis.
Os comentários são sujeitos a moderação.